Ministério da Defesa

Legado
para o país

Voltada, principalmente, ao apoio para a realização segura da Copa do Mundo, a atuação das Forças Armadas deixará um legado importante também para a proteção do país.

Para assegurar a execução do planejamento da Defesa, o Governo Federal tem investido, desde 2012, R$ 709 milhões na modernização e no preparo do aparato militar à disposição da Marinha, do Exército e da Aeronáutica.

Parte desses recursos foi revertida na aquisição de novos equipamentos e tecnologias, que ficarão como legado para as Forças Armadas, com uso na segurança de novos eventos e para atender as necessidades de defesa do país.

Foram obtidos, por exemplo, equipamentos e infraestrutura para defesa cibernética e centros de operações; kits para defesa química, biológica, radiológica e nuclear; módulos para combate ao terrorismo e material de emprego geral para as tropas, entre outros.

Além disso, diferentes conjuntos de equipamentos e viaturas passaram por trabalhos de manutenção e modernização.

Parcela dos investimentos foi direcionada também para ações de capacitação dos efetivos militares, em especial nos setores de integração logística e operacional.

Outro legado importante refere-se à atuação conjugada entre os diferentes setores estatais envolvidos. Embora menos perceptível para o público, o trabalho integrado entre as Forças Armadas e demais órgãos federais, estaduais e municipais é apontado como um dos principais avanços na segurança de grandes eventos realizados no país.

Voltar ao topo