Ministério da Defesa

A Defesa
nas cidades-sede

Para estruturar sua atuação em nível local, o Ministério da Defesa instituiu um Centro de Coordenação de Defesa de Área (CCDA) em cada uma das 12 cidades-sede do Mundial.

Além de militares das Forças Armadas, integram o CCDA representantes dos órgãos de segurança pública, inteligência, defesa civil e segurança privada.

Sob a coordenação geral do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), que manterá um Centro de Operações Permanente em Brasília, esses centros terão a responsabilidade de executar, na ponta, o planejamento efetuado para as ações de Defesa.

Os CCDAs, no entanto, não atuarão sozinhos. De acordo com o programa de segurança da Copa, o comando geral das ações, em cada Estado, será desempenhado por um Comitê Executivo de Segurança Integrada Regional (Cesir), composto pelo oficial general encarregado do CCDA, por um representante do Ministério da Justiça (o superintendente da Polícia Federal no Estado) e pelo secretário de Segurança Pública.

Cabe a esse “triunvirato” garantir que o trabalho efetuado pelos diferentes setores do poder público, na área de segurança, aconteça de maneira integrada durante a realização da Copa.

Em nível nacional, a instância estratégica para orientação e integração das ações de segurança será o Comitê Executivo de Segurança Integrada (Cesi), constituído pela Casa Civil da Presidência da República e pelos Ministérios da Justiça e da Defesa, com o assessoramento permanente do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSIPR).

Além das 12 cidades que sediarão partidas durante a competição, haverá mobilização de efetivos das Forças Armadas nas capitais Vitória (ES), Aracaju (SE) e Maceió (AL), que também receberão delegações de atletas.

Veja, no mapa abaixo, os locais onde as Forças Armadas
estarão presentes durante o Mundial e quem são os coordenadores dos CCDAs.

Passe o mouse nos itens abaixo
para obter as informações.

Gen Eduardo Paiva Maurmann

Manaus (AM)

Gen Eduardo Paiva Maurmann


Gen Div Carlos César Araújo Lima

Fortaleza (CE)

Gen Div Carlos César Araújo Lima


Gen Div João Carlos de Jesus Corrêa

Natal (RN)

Almirante Marcos Nunes


Gen Div João Carlos de Jesus Corrêa

Recife (PE)

Gen Div João Carlos de Jesus Corrêa


Almirante Luiz Henrique Caroli

Salvador (BA)

Almirante Luiz Henrique Caroli


Gen Bda José Carlos Braga de Avellar

Cuiabá (MT)

Gen Bda José Carlos Braga de Avellar


Gen Div Racine Bezerra Lima Filho

Brasilia (DF)

Gen Div Racine Bezerra Lima Filho


Gen Div Mario Lúcio Alves de Araújo

Belo-Horizonte (MG)

Gen Div Mario Lúcio Alves de Araújo


Gen Div Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira

Rio de Janeiro (RJ)

Gen Div Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira


Gen Div Carlos dos Santos Sardinha

São Paulo (SP)

Gen Div Carlos dos Santos Sardinha


Brigadeiro Roberto Carvalho

Curitiba (PR)

Brigadeiro Roberto Carvalho


Gen Div Manoel Luiz Narvaz Pafiadache

Porto Alegre (RS)

Gen Div Manoel Luiz Narvaz Pafiadache


Além das 12 cidades-sede, está prevista mobilização de efetivos das Forças Armadas nas capitais Vitória (ES), Aracaju (SE) e Maceió (AL), que também receberão delegações de atletas.

CCDA

Além do aparato militar, cada CCDA estará equipado com os seguintes sistemas:

  • Comunicações Militares por Satélite
  • Rede Operacional de Defesa
  • Sistema de Videoconferência
  • Sistema de Rádio Troncalizado
  • Sistema de Incidentes (Pacificador)

Voltar ao topo